Lojas de aplicativos: Lojas de apps faturam US$ 34,4 bilhões no primeiro semestre

A App Store e a Google Play somaram US$ 34,4 bilhões em faturamento no primeiro semestre deste ano, estima a Sensor Tower. Esse montante representa um crescimento de 27,8% em comparação com o primeiro semestre de 2017. Vale destacar que os jogos móveis responderam por 78% desse total, com US$ 26,6 bilhões.

Note-se que a loja da Apple faturou quase o dobro da sua rival nos primeiros seis meses deste ano: US$ 22,6 bilhões (App Store) contra US$ 11,8 bilhões (Google Play). Na comparação com o mesmo período de 2017, a receita da App Store cresceu 26,8% e a da Google Play, 29,7%.

Cabe ressaltar que os números da Sensor Tower não incluem o faturamento feito fora do sistema de billing das lojas de apps, como vendas de produtos e serviços pagos com cartão de crédito diretamente aos desenvolvedores dos apps ou seus associados (exemplo: uma venda de uma refeição pelo iFood ou de um ingresso de cinema na Ingress.com). Tampouco está contabilizada a receita com publicidade móvel.

Downloads

Entre janeiro e junho deste ano, as duas lojas somaram 51 bilhões de downloads, o que representa um crescimento de 11,3% em um ano. Neste aspecto, a relação se inverte: a Google Play, com 36 bilhões de downloads no primeiro semestre de 2018, representa mais que o dobro que a App Store, que registrou 15 bilhões. Em comparação com o mesmo período de 2017, a Google Play cresceu 10,6% e a App Store, 13,1%.

Os games responderam por 40% do total de downloads no primeiro semestre, com 20,5 bilhões.

Lojas de aplicativos: Lojas de apps faturam US$ 34,4 bilhões no primeiro semestre