Bots: Bots no Messenger terão recurso de realidade aumentada

Os desenvolvedores de chatbots para Facebook Messenger terão acesso em breve a um recurso para tornar a conversa com os usuários mais multimídia: eles poderão criar interações de realidade aumentada com a câmera do smartphone, durante um bate-papo. A novidade, anunciada pela Facebook na F8, sua conferência anual para desenvolvedores, nesta terça-feira, 1, nos EUA, está sendo experimentada primeiramente por um grupo seleto de marcas, dentre as quais Asus, Kia, Nike e Sephora.

A ferramenta permite que o desenvolvedor inclua seus próprios filtros e efeitos de realidade aumentada, que são disponibilizados para o usuário quando este abrir a câmera dentro de uma conversa com a marca.

A proposta do Facebook é aproximar o mundo digital do real, tornando mais rica a experiência de quem faz compras pela Internet – ou, neste caso específico, pelo Facebook Messenger. Um dos maiores problemas do comércio eletrônico é a impossibilidade de o consumidor provar o produto antes, o que prejudica especialmente a venda de roupas e acessórios. O recurso de realidade aumentada minimiza esse problema, pois permite que o usuário veja um determinado produto aplicado à realidade à sua volta ou a si mesmo.

A Asus vai simular a abertura de um produto seu com realidade aumentada. A Sephora permitirá que as consumidoras vejam em si mesmas como ficaria um batom ou outro produto de maquiagem à venda. A Nike usará o recurso para apresentar um novo modelo de tênis e a Kia, um novo carro.

Tradutor

Outra novidade anunciada para o Messenger é um tradutor automático para as conversas entre marcas e consumidores. O assistente virtual M apresentará sugestões de tradução a cada mensagem, quando marca e consumidor falarem línguas diferentes. Inicialmente vai funcionar apenas para inglês e espa

Bots: Bots no Messenger terão recurso de realidade aumentada