Transporte de passageiros: Londres vai proibir Uber

O órgão regulador dos transportes da cidade de Londres (TfL) decidiu não renovar a licença do Uber para operar como um serviço de transporte privado na cidade. A licença atual da empresa vale até 30 de setembro. O Uber, que atua oficialmente em Londres desde 2012, ainda pode recorrer da decisão.

O TfL informou em comunicado que entende que o Uber não demonstrou responsabilidade corporativa para uma série de questões relacionadas à segurança, como por exemplo: seus procedimentos quanto à comunicação de crimes; seus procedimentos para a obtenção de certificados médicos; e a utilização do software Greyball em Londres para evitar a abordagem de seus motoristas por autoridades locais.

Pela legislação local, o Uber tem 21 dias para recorrer da decisão.

Transporte de passageiros: Londres vai proibir Uber