Varejo: Magazine Luiza registra lucro recorde no segundo trimestre puxado por canais digitais

O Magazine Luiza registrou crescimento pelo sexto trimestre consecutivo. O resultado líquido no segundo trimestre foi o melhor da história da empresa para o referido período: R$ 72 milhões de lucro líquido, o que representa um aumento de quase 600% na comparação com o segundo trimestre do ano passado. O lucro acumulado no semestre é de R$ 131 milhões, 736% superior à primeira metade de 2016. O Ebitda trimestral da varejista, por sua vez, cresceu 44%, atingindo R$ 236 milhões.

A companhia atribui os bons resultados ao seu processo de transformação digital. Enquanto as lojas físicas tiveram um crescimento de 15% am sua receita no segundo trimestre, os canais digitais (site, app e redes sociais) registraram aumento de 55% e já respondem por 28% do faturamento total da empresa. O Magazine Luiza destaca especialmente o desempenho do app, que acumula 6,2 milhões de downloads. A empresa também ressalta a abertura do seu marketplace, ocorrida no fim do ano passado, e que conta agora com 250 parceiros e 550 mil produtos à venda.

Análise

O app do Magazine Luiza exerce um papel fundamental no processo de transformação digital da empresa. A companhia fez algumas apostas inovadoras em sua estratégia móvel e agora colhe os frutos, como a oferta de frete grátis para as compras no app e e possiblidade de compra com retirada nas lojas físicas. Ao mesmo tempo, o investimento em um laboratório próprio de inovação, o Luiza Labs, contribui para a experimentação e para a rápida implementação de novas tecnologias.

Varejo: Magazine Luiza registra lucro recorde no segundo trimestre puxado por canais digitais