Transporte de passageiros: Uber passa a cobrar mais R$ 0,75 do seu passageiro em cada corrida no Brasil

A Uber informou aos seus passageiros nesta sexta-feira, 6, que adicionará uma taxa fixa de R$ 0,75 para cada corrida nos serviços Uber X ou Uber Black. Chamada de Custo Fixo, a taxação funcionará para usuários em todo território brasileiro. Procurada pelo MOBILE TIME, a Uber disse por meio de nota que a taxa foi inserida em seu serviço “para manter o crescimento saudável da plataforma no Brasil” e que “ajudará a apoiar iniciativas de segurança para motoristas parceiros e usuários, além de outros custos operacionais”.

Vale lembrar que os passageiros ainda devem arcar com custos extras em caso de pedágio e de variação com o preço dinâmico – regra de multiplicação alterada de acordo com a demanda em tempo real. E, na cidade de São Paulo, os consumidores devem pagar adicionais de R$ 0,10 por quiômetro rodado, devido a regulamentação do uso de carros particulares no transporte individual.

Com a mudança, a fórmula de cobrança do Uber consistirá em preço base + tempo dentro do carro + custo fixo + distância percorrida [ + pedágio (se necessário) x multiplicador do preço dinâmico (quando aplicado)]. Os valores do preço base e da distância variam de cidade para cidade. Em São Paulo, o preço base é de R$ 2 para Uber X e R$ 3,80 para Uber Black. Inicialmente, a Uber não fará mudanças no formato de cobrança para os motoristas. Os condutores são obrigados a compartilhar 20% de cada corrida paga por dentro da plataforma com a empresa norte-americana.

De acordo com a última pesquisa Panorama Mobile Time/Opinon Box sobre uso de apps no Brasil, publicada no fim de dezembro, o Uber é o sétimo aplicativo mais frequentemente encontrado na homescreen dos brasileiros. Na edição anterior, realizada em maio, o app ainda não constava no top 20, o que comprova seu rápido crescimento durante o ano de 2016 no País.

Transporte de passageiros: Uber passa a cobrar mais R$ 0,75 do seu passageiro em cada corrida no Brasil