Infraestrutura: Vivo tem o download mais rápido em 4G e empata com TIM em disponibilidade

A Vivo tem atualmente a rede celular com melhor desempenho do Brasil, de acordo com o mais novo relatório da Open Signal, que realizou 85 milhões de medições ao longo de três meses (entre fevereiro e abril) em 45 mil smartphones espalhados por todo o País. A empresa analisou seis critérios: velocidade de download 4G; velocidade de download 3G; velocidade de download em geral; latência em 4G; latência em 3G; e disponibilidade do sinal 4G. A Vivo foi a campeã em quatro desses critérios. Em segundo lugar ficou a TIM, líder em três critérios. Oi, Claro e Nextel foram as melhores em um cada. Em alguns casos houve empate entre duas ou mais teles, conforme detalhado a seguir.

Fonte: Open Signal

A velocidade média de download na rede 4G da Vivo, segundo o levantamento, é de 18,57 Mbps, o que representa um crescimento de 3 Mbps em relação à edição anterior da pesquisa, publicada em fevereiro passado. A Claro ficou em segundo lugar, com 11,63 Mbps, seguida por Oi (11,36 Mbps) e TIM (8 Mbps). Em comparação com a edição anterior, a velocidade média da Claro ficou estagnada, enquanto Oi e TIM registraram quedas entre 1 e 2 Mbps.

Em termos de disponibilidade da rede 4G, Vivo e TIM ficaram tecnicamente empatadas na liderança, com 56,8% e 56,1%, respectivamente. Esse é o percentual de tempo em que o sinal da rede 4G esteve disponível para os clientes de cada operadora durante o período acompanhado pelo estudo. Claro ficou com o terceiro lugar (52,9%), seguida pela Oi (47,4%).

No que diz respeito à latência média na rede 4G, Oi e TIM foram as campeãs, tecnicamente empatadas com 74,77 e 74,07 milissegundos, respectivamente. A latência é o tempo que leva para um pacote de dados ser transportado entre dois pontos da rede. Quanto menor a latência, mais responsiva é a rede. A Claro ficou em terceiro lugar (82,5 ms) e a Vivo, em quarto (103,9 ms).

A Nextel não foi incluída nas comparações das redes 4G porque sua infrastrutura LTE se limita a Rio de Janeiro e São Paulo, enquanto as outras teles foram avaliadas no Brasil inteiro, o que geraria uma comparação injusta, no entender da Open Signal.

3G

Quando analisada a velocidade média de download na rede 3G, há três operadoras tecnicamente empatadas em primeiro lugar: Vivo (2,43 Mbps), Claro (2,36 Mbps) e TIM (2,24 Mbps). A Oi vem em seguida, com 1,64 Mbps. E, por último, a Nextel (1,11 Mbps).

Em compensação, a Nextel foi a campeã isolada em latência na rede 3G: 103,1 ms. Depois vieram TIM (148,4 ms), Claro (162,3 ms), Vivo (168,3 ms) e Oi (172,5 ms).

Por fim, quando calculada a velocidade média geral de download, independentemente da rede em que o usuário se encontra, a campeã é a Vivo, com 5,75 Mbps, seguida por Claro (4,65 Mbps), TIM (3,53 Mbps) e Oi (3,19 Mbps). Neste quesito, obviamente, a disponiblidade do sinal 4G faz a diferença, pois a velocidade dessa rede puxa a média geral para cima.

Rio de Janeiro

De acordo com a Open Signal, as operadoras brasileiras se esforçaram para melhorar a qualidade da rede 4G no Rio de Janeiro nos últimos meses por causa das Olimpíadas. À exceção da Oi, todas aumentaram a disponibilidade do sinal LTE na cidade, diz o relatório. Quatro das cinco maiores teles registraram uma disponibilidade média acima de 60%, sendo que no caso específico da Nextel, chegou perto de 80%.

Contudo, a média nacional das teles ainda é considerada baixa quando comparada com outros mercados da América Latina e do resto do mundo, mesmo quando considerado o resultado das campeãs Vivo e TIM, com 56% de disponiblidade, afirmam os analistas da Open Signal.

O relatório pode ser lido na íntegra aqui.

Infraestrutura: Vivo tem o download mais rápido em 4G e empata com TIM em disponibilidade