Uber causa polêmica antes mesmo de seu lançamento em Porto Alegre

Revelada neste final de semana, a chegada do Uber a Porto Alegre já vem causando polêmica antes mesmo do lançamento oficial do aplicativo na cidade, que deve acontecer em dezembro, conforme revelou a empresa.

Enquanto o prefeito da capital gaúcha, José Fortunati, afirmou que o aplicativo não opera na cidade enquanto não existir uma regulamentação para isso, a Assespro (Associação Brasileira das Empresas de TI do RS) se mostrou a favor do lançamento do serviço de transportes na cidade.

“Não vamos permitir que o Uber chegue em Porto Alegre fazendo o que já fez em outras cidades: entrar e operar sem um debate democrático e sem uma regulamentação. Não se pode deixar de cumprir com a lei porque novas tecnologias vão aparecendo”, afirmou Fortunati em entrevista à Zera Hora. Vale destacar que o político se mostrou aberto ao debate e afirmou que não foi procurado por ninguém do Uber até o momento.

Em comunicado oficial para a imprensa, um dos diretores da Assespro-RS, Cristiano Mendes, disse acreditar que a liberação do Uber em Porto Alegre servirá não apenas para melhorar o serviço de transporte dentro da cidade, mas também para estimular uma nova mentalidade nos empreendedores para a noção de experiência de serviço.

“O que fideliza é a forma como isto é feito. Nesse caso, o como é mais importante do que o que. O acesso à tecnologia está cada vez mais fácil e a diferenciação de produto não dura por muito tempo”, aponta Mendes.

Uber x Táxi

Assim como em diversos outros países, o aplicativo de transporte já causou diversas polêmicas no Brasil, enfrentando resistência principalmente por parte dos taxistas, que acusam o serviço de concorrência desleal.

E em Porto Alegre não será diferente. Em contato com a reportagem do IDG Now!, o diretor financeiro do Sindicato dos Taxistas Autônomos de Porto Alegre, Antonios Carlos Pereira, disse que é contra a chegada do app à cidade caso não seja legalizado. “O aplicativo é clandestino e sou contra tudo que é clandestino”, afirmou.

Brasil

Lançado no Brasil em maio de 2014, o Uber atua em quatro cidades brasileiras no momento: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília.

Uber causa polêmica antes mesmo de seu lançamento em Porto Alegre