Desenvolvimento: 71% dos desenvolvedores móveis trabalham com Android e 51%, com iOS

O Android continua sendo o sistema operacional mais popular entre desenvolvedores móveis. De acordo com a pesquisa “The state of the developer nation”, da Vision Mobile, 71% dos desenvolvedores móveis do mundo trabalham com Android; 51%, com iOS; 27% com Windows Phone; e 26%, com HTML5. Apenas 7% não utilizam nenhuma das três plataformas dominantes. Há interseções, ou seja, gente que trabalha com duas ou mais plataformas. De acordo com o mesmo relatório, os desenvolvedores de games utilizam, em média, 2,6 plataformas, enquanto aqueles que não fazem games, utilizam 2,2. A pesquisa entrevistou 13 mil desenvolvedores ao redor do mundo, incluindo aqueles que vivem de programação e aqueles que programam por hobby.

A Vision Mobile averiguou qual é o sistema operacional prioritário no caso dos desenvolvedores que utilizam mais de um, dentre os três líderes de mercado. Neste caso, o iOS ganha em todos os cenários. Por exemplo, dentre os 26% que usam Android e iOS mas não Windows Phone, a plataforma da Apple é a prioritária para 55% deles, seguida por Android (37%), HTML5 (5%) e outros (3%). Entre os 11% que usam Android, iOS e Windows Phone, a plataforma da Apple é a prioritária de 46% deles, seguida por Android (30%); Windows Phone (10%), HTML 5 (6%), Windows 8 (5%) e outros (3%). Do total de desenvolvedores móveis, 28% responderam que trabalham somente com Android; 12%, somente com iOS; e 8%, somente com Windows Phone, considerando as três plataformas líderes.

Na opinião dos analistas da Vision Mobile, a renda mais alta dos usuários de iOS continua sendo um fato, o que explica a preferência dos desenvolvedores pela plataforma da Apple dentre aqueles que trabalham com mais de um sistema. Porém, a gigantesca base de cerca de 1 bilhão de usuários Android no mundo desequilibra a favor da plataforma do Google, mesmo que o tíquete médio desse grupo seja menor. Conforme as pessoas começam a criar o hábito de comprar bens físicos e serviços pelo celular, através de apps de comércio móvel, o Android deve ganhar ainda mais força. Os analistas da Vision Mobile acreditam que a estratégia de alguns desenvolvedores de criar primeiro um app para iOS ou de criar apenas para iOS está deixando de fazer sentido, diante do crescimento da base Android.

HTML5

A pesquisa identificou uma reviravolta no interesse dos desenvolvedores por HMTL5. No relatório do primeiro trimestre, apenas 15% trabalhavam com a plataforma, agora são 26%, fazendo do HTML5 a quarta mais importante,logo atrás do Windows Phone, cuja tendência é de queda ao longo do ano.

A explicação para a volta do interesse por HTML5 é que ele serve como coadjuvante para apps nativos. Com a dificuldade de ter o app nativo encontrado nas lojas de aplicativos, os desenvolvedores veem como essencial ter um site móvel que redirecione para o download na App Store ou Google Play. Trabalhar apenas com sites para desktop é considerado “inaceitável”, segundo os analistas.

Desenvolvimento: 71% dos desenvolvedores móveis trabalham com Android e 51%, com iOS